PARTE DE MIM....

PARTE DE MIM....
(Reprodução proibida sem autorização do autor. Todos os direitos reservados.)

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

COMO PODEREI EXPLICAR QUE TE AMO



Como poderei explicar que te amo

pelas cores!

Pelos sabores!

Pela dedicação,

ou apenas se te segurar a mão

mesmo sem intenção!


De nada serve gritar,

de nada serve o meu coração bater

se por um segundo

ninguém o entender,


tem dias que sonho alto

imagino o teu beijar,

tem outros

que de tanto te desejar

adormeço

dentro do sonho,

e deixo que ele me leve

afogando a dor,

lá, sou livre

e vivo por momentos

sou gente...


outros há que sopro

a saudade,

luto pela verdade,

atravesso os horizontes

esgravatando a terra ainda fresca

e nela desenho

o teu nome,

mas aí....vem a maré

e na surdina da tarde

rouba-me a verdade,


então grito,

mas grito tão alto

que subo à montanha,

e dentro de uma meia verdade

escuto o vento soprando

matreiro...

enganando-me com seu sorriso faceiro,

sem forças, dobro o olhar,

quebro nesse lugar

restolho ou sobra

cedência adocicada

em troca de uma vida

vivida de quase nadas


aí....volta a pergunta

como te poderei explicar

que te amo!

By me ANA

2011/08/19

(imagem retirada da net)

1 comentário:

intimidades disse...

E a necessidade é tanta…
Mesmo que o vento matreiro faças dela uma meia verdade….
E a vida dói… num sorriso por encontrar…
1Bj Bárbara